Deserto do Atacama: Lagunas Escondidas de Baltinache

No Atacama existe um passeio clássico que inclui visitar uma lagoa cuja concentração de sal é tão grande que ninguém afunda. A mais famosa é a Laguna Céjar. Mas, nos últimos anos, houve um aumento gigantesco do preço da entrada e até uma proibição para mergulhar.

Por este motivo, resolvemos conhecer uma outra lagoa que está sendo revelada ao público mais recentemente. Na verdade, são um conjunto de sete lagoas que formam as chamadas Lagunas Escondidas. Na primeira e na última, onde o banho é permitido, a concentração de sal é altíssima e afundar não é possível.

thumb_IMG_6690_1024-min

Lagunas Escondidas são incríveis!

Horário: das 08 hrs até as 13 hrs

Incluído: lanche

Preço: 45.000 pesos (na agência Flavia Bia Expediciones) + 5.000 pesos (entrada)

Nível Dificuldade: fácil (a trilha entre as sete lagoas é tranquila)

Roupa: se for pela manhã, no verão, roupa fresca é o necessário. Levar roupa de banho.

thumb_IMG_0531_1024-minthumb_IMG_0533_1024-min

Da cidade de San Pedro de Atacama levamos quase uma hora para chegar até as lagunas. A paisagem da estrada já me chamou a atenção pela imensidão do deserto.

thumb_IMG_0457_1024-min

O passeio começou ao lado da primeira lagoa, na qual é possível entrar. Mas ela é muito pequena e estava lotada com o outro grupo que estava com a gente. Meu grupo resolveu fazer a caminhada até a última lagoa.

thumb_IMG_0540_1024-min

Primeira Lagoa

Cada lagoa tem sua beleza. O mais encantador, para mim, são aquelas que refletiam a cadeia de montanha e as nuvens em suas águas transparentes e azuis.

thumb_IMG_0468_1024-minthumb_IMG_0480_1024-minthumb_IMG_0485_1024-minthumb_IMG_0486_1024-minthumb_IMG_0514_1024-min

Claro que como estamos falando de lagoas cheias de sal, o solo ao redor também é cheio de sal. O branquinho no meio da terra é outro atrativo.

thumb_IMG_0464_1024-min

O sal, a terra e a cordilheira

O guia bem nos disse para prestar atenção a sexta lagoa, anterior a que se pode entrar. Caramba, que beleza era aquela? Uma lagoa azulzinha, onde se refletia a cadeia de montanhas e as nuvens. Fiquei apaixonada e contemplando por um bom tempo aquela beleza da natureza tão única.

thumb_IMG_0500_1024-minthumb_G0133394_1024-min

Fomos para a última lagoa, a que se pode entrar. Ela é bem maior que a primeira onde o outro grupo tinha ficado.

A sensação na lagoa cheia de sal é indescritível! Não afundar, ficar boiando tranquilamente por ali. Senti o sal na pele, meus olhos ardiam a qualquer água que encostasse e qualquer feridinha ardia horrores! Ficamos um bom tempo por ali, até a fome nos abater.

thumb_IMG_6677_1024-minthumb_G0153442_1024-minthumb_G0153424_1024-min

Nossa agência nos empresta roupões. Saímos do sal e nos vestimos com eles. Iniciamos nossa volta.

Quando chegamos à primeira lagoa, uma super mesa com ceviche, espetinho de camarão, espumante, vinho e muitos outros petiscos nos esperava. Ficamos horas por ali, conversando com nossos guias e grupo que era muito top.

thumb_IMG_6702_1024-min

No final fomos de van até o banheiro, junto à entrada. É possível tomar uma ducha (gelada) e não se pode usar shampoo ou nada do tipo. É realmente para tirar o sal do corpo e seguir de volta à cidade.

Para mim, esse foi um dos melhores passeios e acho imperdível no Atacama!

thumb_IMG_6688_1024-min

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s