5 dias em João Pessoa, com bebê

Há um tempo João Pessoa vivia nos meus planos. Conheci algumas pessoas de lá e sempre me passavam a ideia de uma cidade tranquila e muito bonita. Foi assim que decidimos passar nossos cinco dias de Carnaval nessa cidade. Foi uma viagem deliciosa, com nossa pequena e nossa família.

thumb_IMG-20190303-WA0096_1024-min

Como fomos?

Emitimos as passagens com 11 meses de antecedência, de milhas pela Gol. Voamos na sexta-feira pela noite e retornamos na quarta-feira pela tarde, em vôos diretos. Continuar lendo

Viagem com Bebê – o que aprendemos em 1 ano

Esse post é muito especial para a gente. Quando engravidei, fiz questão de procurar muitos blogs e instagrans de famílias que viajam com seus filhos, para poder nos inspirar. Sabíamos que íamos viajar com nossa pequena. Mas, quando chega a hora H, confesso que dá um bom medinho. São muitas variáveis para pensar! Mas hoje, com a Clara com 1 ano recém completado, podemos dizer que é muito mais tranquilo do que parece e que essas pessoas que adoram nos dizer “nossa, vão viajar com bebê? Porquê? Ela não vai curtir!” ou “nossa que corajosos vocês são!” não sabem de nada!

thumb_20190527_192509_1024-min

Em Ghent

thumb_20190529_115123_1024-min

A pequena curtiu muito em Brugges

Clarinha iniciou as viagens em um feriado, com 3 meses, para Conservatória, uma cidade a 3,5 horas daqui do Rio de Janeiro. Depois, outra viagem de carro para Búzios (4 meses). A primeira viagem de avião foi com 4 meses para passar o final de semana em São Paulo visitando o titio. Depois, com 5 para 6 meses passamos o Reveillon em Aracaju, só nós três. No Carnaval (8 meses), fomos com a família toda para João Pessoa. Na Páscoa (9 meses) mais uma vez fomos a Búzios. E, por fim, agora em maio e junho tivemos nossas primeiras férias do ano e fomos nós três para a Europa por 3 semanas, com a Clara indo com 10 e voltando com 11 meses. Continuar lendo

Dicas para Viajar Grávida em todos os trimestres

Nossa gravidez veio de forma esperada mas bem mais rápido do que pensávamos. Eu sempre encarei a gravidez como um momento único na vida mas sem alterar (dentro do possível) minhas atividades. E viajamos bem nesse período! Fiz três grandes viagens grávida, uma em cada período e, aqui nesse post, minha ideia é compartilhar como foi para mim e o que fiz.

20180428_133200

Primeiro ponto que tomei muito cuidado nessas viagens grávidas foi com o seguro saúde. Eu sempre usei o do cartão. Mas, nesse caso, preferi contratar um extra. Principalmente na última viagem, que estava mais avançada, olhei muito bem quanto o seguro cobria de exames e até algum parto antecipado que fosse preciso. Contratei meu seguro pelo site Comparaonline e gostei do serviço, apesar de não poder falar do acionamento do seguro (ainda bem!). Continuar lendo

Lima, para fechar com chave de ouro

Terminar a viagem pelo Peru em sua capital foi para fechar com chave de ouro. Lima é conhecida por toda sua oferta gastronômica, com restaurantes e chefs de cozinha muito famosos. Além disso, é uma cidade super agradável.

thumb_IMG_1291_1024-min

Lima é banhada pelo oceano pacífico que, apesar de muito frio e nada agradável para um banho, torna muito bonita a orla do bairro de Miraflores. Inclusive recomendo totalmente se hospedar neste bairro. Nós ficamos no Inti Killa Bed and Breakfast. Quarto ótimo, café da manhã bom e um atendimento impecável. Continuar lendo

Lago Titicaca pelo lado boliviano

A viagem do Peru continuou em direção a um dos pontos mais famosos dessa região – Lago Titicaca. Este é o lago navegável mais alto do mundo, a 3.800 metros acima do nível do mar. Ele é bem grande e a impressão que nos passa é que é quase um oceano pois não enxergamos o seu fim.

thumb_IMG_1118_1024-min

Paisagem desde o alto da Ilha da Lua

A formação do lago ocorreu há anos atrás com duas placas tectônicas se encontrando e afundando. Do lado mítico, a história era que a região do lago era um vale muito fértil onde todos viviam felizes e tendo acesso a tudo. Os deuses Apus eram os protetores da área e, como única regra, pediram que não se subisse a montanha onde ficava o fogo sagrado. O demônio começou a atiçar o povo para que subisse na montanha e, um determinado dia, os homens assim fizeram. Os Apus então decidiram exterminar o povo que tinha desrespeitado a regra e mandaram as pumas comerem os humanos. O deus do Sol, Isti, viu a cena e começou a chorar. E as lágrimas eram tantas que inundaram o vale e formaram o lago. As pumas se afogaram e foram petrificadas ali no meio. Daí o nome Titicaca que significa  o lago dos pumas de pedra. Continuar lendo

Ônibus Turístico entre Arequipa e Puno

Depois de curtirmos Arequipa, nosso próximo destino era Puno. O caminho entre as cidades poderia ser feito em um ônibus normal em torno de 6 horas de viagem. Outra alternativa seria fazer uma viagem de 2 dias, visitando o famoso cânion del colca. Ficamos bem tentados, mas faltou tempo! Para não passarmos batido por essas paisagens, escolhemos fazer o trajeto com a empresa 4M Express. Eles nos buscavam no nosso hotel e fariam duas paradas pelo caminho. O preço seria só um pouco maior. Reservamos pela internet previamente.

thumb_IMG_0997_1024-min

Foram nos buscar perto das 13 horas no hotel. Levaram nossas malas e lá fomos nós! Continuar lendo

Arequipa, a cidade branca do Peru

O Peru é maravilhoso! E quem decide conhecer além de Machu Picchu, se surpreende ainda mais. Sem falar na hospitalidade desse povo. Foi assim que chegamos a Arequipa, uma cidade ao sul do país e que foi uma grata surpresa na nossa viagem.

thumb_IMG_0741_1024-min

A cidade foi fundada em 1540 pelo espanhol Francisco Pizarro, no lugar onde já existiam incas vivendo. É conhecida como cidade branca devido às construções em silla (pedra branca) que existem por toda a cidade. Também foi declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 2000. Continuar lendo

Conhecendo Cuzco em 4 dias

Cuzco, o berço do império inca. Uma cidade única e inesquecível. Sem dúvidas, a minha (e a de quase todos turistas) cidade peruana favorita.

thumb_IMG_0724_1024-min

Linda Plaza de Armas em Cuzco

Começando do começo, a palavra Cuzco (ou Cusco) vem do quechua Qosqo e significa umbigo. Para os incas, aqui era o umbigo do mundo. O idioma quechua era praticado pelos incas e, até hoje, é um idioma oficial da região. Continuar lendo